Archive | June, 2008

Gripe

5 Jun

Essa é a sexta gripe que pego neste ano, o que dá uma média de uma gripe ao mês.
Não agüento mais ouvir minha mãe reclamando que eu não me cuido, que eu ando “sem roupa”, que eu lavei a cabeça de manhã e saí para a rua ou que não estou me alimentando direito. ¬¬

Assim eu observo que, segundo a minha mãe para eu nunca mais pegar uma gripe, certos passos deveriam ser seguidos como:

  1. 1. Comer muito: quanto mais comida eu comer, mais vitaminas terei em seu corpo, logo mais forte eu vou ficar.
  2. 2. Andar sempre “entrouxada”: não importa se eu vou à academia, vou dar uma aula ou vou ficar em casa, o segredo é sempre andar com roupas suficientes que impeçam o meu movimento normal.
  3. Tomar banho frio: porque o banho quente aquece de mais o nosso corpo e depois, quando vou para a rua após o banho quentinho, levo um choque térmico, o que vai fazer com que a minha imunidade despenque. 😛
  4. A partir das 19h, vou ficar em casa: isso significa que após este horário, não irei mais sair para a rua, pois é a hora que a temperatura começa a cair fortemente aqui no sul do Sul.
  5. Nunca mais vou lavar o meu cabelo: de manhã é ruim porque saio do quentinho do banho para a rua e de noite porque não devo dormir com a cabeça úmida;

Pois é… acredito que até o fim do ano ainda rolam mais outras seis gripes. ¬¬

Pós-Congresso

2 Jun


Depois de 18 horas de viagem, estou de volta à “terrinha”.
Tenho que admitir que até que não foi tão horrível assim. A minha primeira experiência com apresentações em GTs foi menos pior do que eu imaginava (acho que isso deixou-me mais “feliz” diante de tanto apavoramento). 😛 O pessoal do meu grupo apresentou trabalhos bem interessantes, o que gerou uma discussão legal sobre fatos provenientes da cibercultura.

O mais legal foi ouvir a primeira pergunta após a apresentação (que era a pergunta de muitos ali dentro): “eu gostaria de saber… O que tu és da Raquel?”.
Foi ótimo. ¬¬
Segundo a Suely (minha orientadora), eu tenho que me casar bem rápido para mudar o meu sobrenome (acho que isso foi “pilha da Raquel, tenho certeza).

Enfim, mais informações sobre o congresso no blog do pessoal da ECOS/UCPel. Eles fizeram a cobertura completa do evento (que por sinal está bem legal). 🙂